Sexta-feira, 24 de Março de 2017

Redução do défice

IGREJA VAI REDUZIR O DÉFICE! ESMOLAS, DURANTE UM ANO, VÃO PARA O GOVERNO! (Figas)

publicado por figas às 21:14
link do post | comentar | favorito
|

Copos e mulheres

EM VEZ DE COPOS E MULHERES EXPERIMENTE MULHERES AOS COPOS! (Figas)

publicado por figas às 21:08
link do post | comentar | favorito
|

PROCESSO DOS VISTOS

PROCESSO DOS VISTOS ARQUIVADO?!!! DÚVIDAS? PROVA DE QUE A JUSTIÇA É GOLD!Figas

publicado por figas às 21:06
link do post | comentar | favorito
|

Quando fores pai.

QUANDO FORES PAI TORNA A SER CRIANÇA, CRESCERÁS COM ELE. (Figas)

publicado por figas às 21:03
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 7 de Maio de 2015

Foto de "Poesia de Dentro"

CCF26032015_00000.jpg

publicado por figas às 22:58
link do post | comentar | favorito
|

LEVA-ME

CCF07052015_00001.jpg

publicado por figas às 22:55
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 15 de Abril de 2015

POEMA DO NADA

POEMA DO NADA Um nada tornou-se corpo e estendeu sua mão ao meu, absorto com o nada da ocasião, eu e o nada fomos passear, vimos coisas importantes, mas o nada sempre a notar que tudo será nada como dantes! O nada, sempre a mim tão colado, que parece toda a minha condição! Eu ter de ir, com ele, a todo o lado com meu nada é a única solução! Ao ver coisas impantes, o nada, a meu lado, nunca calado, diz-me que coisas importantes serão sempre nada como dantes! Eu já desconfiava, que quando do nada nasci era o nada que me acompanhava em tudo que fiz e vivi! .......XXXXXX......... Silvino Figueiredo Gondomar-PORTUGAL passear, vimos coisas importantes, mas o nada sempre a notar que tudo será nada como dantes! O nada, sempre a mim tão colado, que parece toda a minha condição! Eu ter de ir, com ele, a todo o lado com meu nada é a única solução! Ao ver coisas impantes, o nada, a meu lado, nunca calado, diz-me que coisas importantes serão sempre nada como dantes! Eu já desconfiava, que quando do nada nasci era o nada que me acompanhava em tudo que fiz e vivi! .......XXXXXX......... Silvino Figueiredo Gondomar-PORTUGAL

publicado por figas às 15:42
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

A NAU "ESPERANÇA" VOLTARÁ.

A NAU “ESPERANÇA” VOLTARÁ Como “poeta”, convidaram-me para dizer poesia! Aceitei! O que eu fiz!! Quão poeta, será minha alma, para falar da beleza do brilho das estrelas, que brilham sobre o mar, sobre a terra dum povo, que com elas soube sonhar e navegar! Que nobre terra, esta, com belas praias como partidas de valentes marinheiros, em novos mundos primeiros! Que alma de poeta será desta terra, -a minha- com céu azul, muito azul, com muitas estrelas, à noite com céu estrelado, muito estrelado e que com estrelas navegou para sul! Preciso de sol ou pelo menos de luar, para me iluminar, neste tempo cinzento, que se abate sobre um povo, que dobrou Cabos de Tormentas e que agora quer bonança no seu mar. Que poeta sou, para de mim esperarem novas naus, novos almirantes em novas rotas, com bons marinheiros, para tormentas, que são milhentas, dobrar?! Eu, olho o céu e espero uma entre aberta no cinzento, para ao céu estender meus braços e uma estrela de esperança no céu azul dependurar, a brilhar, para ajudar boas naus, bons almirantes e bons marinheiros. Os maus que fiquem em terra, que aprendam a navegar ou olhem o mar. A nau da Esperança há de voltar e as estrelas, num céu azul, voltarão a brilhar! ……….xxxxxxxxxx………. Autor: Figas de Saint Pierre de Lá-Buraque Gondomar

publicado por figas às 23:36
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 3 de Dezembro de 2013

Vem Diógenes.

Vem Diógenes

Hoje,
não vos trago poesia,
Não vos trago poemas,
Trago-vos:
só a mim e minhas penas!

Eu, já sou um poema,
Com cabeça, troncos e braços,
Com meus pés dar-vos abraços,
Um a cada um de vós,
Avó ou avô,
Mas todos vós já humanas lástimas!

O mundo 
 
 
Já não precisa tanto de mulheres
Ou homens, mas sim só de robôs!
Só números, só máquinas!

Não,
Hoje, não vos trouxe poemas;
 
 
 
Poesia, 
 
 
 
Que rima com amor, 
 
 
Que vem do coração!

Hoje,
Falo da lástima, que será
A poesia feita por robôs,
Com versos de rimas 
 
 
Só assentes na produção!
Produção!
Produção!
Não nos beijos.
Não nos abraços. 
Não no amor, que vem do coração!

Começaram pelos preservativos,
Para evitar ativos,
Agora, queixam-se de poucos filhos!
Porém, os homens,
 
Só querem robôs, 
 
 
 
Muitas máquinas para produção!
 
 
Produção!
 
 
Produção!
Dispensam amor, beijos, 
Braços e abraços
De filhos, pais e avôs!
Vem Diógenes.
Vem procurar Homens;
Tantas lástimas,
 
 
 
No meio de tantas máquinas!
 
 
 
De tantos robôs!
 

…………..xxxxxxxxxx…………
Autor: Silvino Taveira Machado Figueiredo
(Figas de Saint Pierre de Lá-Buraque)
Gondomar
publicado por figas às 16:33
link do post | comentar | favorito
|

Lugar dos beijos

LUGAR DOS BEIJOS.
 
 
Eu, 
No caminho, que vinha para ti
Despia paisagens com o olhar,
Só procurava o horizonte do encontro,
Onde se erguia a Montanha dos Desejos!

O caminho, para ti, era longo!
Mas eu sabia cada estrada,
Cada curva, cada lomba!

 

De muitas luas foi minha ausência,
Mas, finalmente, cheguei
Para uma estadia
longa!

Encontrámo-nos nos beijos,
Gastámos respirações
A
colar corações,
O jantar arrefeceu!
Comemos saudades,
no lugar dos beijos;
boa sala de jantar
………… e de estar,
onde o partir pode esperar!
Autor:
Figas de Saint Pierre de Lá-Buraque
Gondomar
publicado por figas às 16:09
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. Redução do défice

. Copos e mulheres

. PROCESSO DOS VISTOS

. Quando fores pai.

. Foto de "Poesia de Dentro...

. LEVA-ME

. POEMA DO NADA

. A NAU "ESPERANÇA" VOLTARÁ...

. Vem Diógenes.

. Lugar dos beijos

.arquivos

. Março 2017

. Maio 2015

. Abril 2015

. Novembro 2014

. Dezembro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Junho 2009

. Março 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds