Quarta-feira, 24 de Outubro de 2007

erótico 09

NÃO SEI O QUE NOS ATRAI!.

-"Cuidado", ouço
quando aperto teus seios cheios,
então, travo meus anseios!

Cuidado?! Pronto, já apertei demais!
Pisei demais! É o que penso quando vejo
tua barriga inchada, como
maré em preia-mar!

Depois, afastei-me demais,
de ti estive fora e longe demais,
teus olhos ficaram rasos d água, a chorarem,
a encherem mar!

Tu és tu,
eu sou eu,
que será o que nos atrai?

Que foi que me levou a faltar-te ao respeito e
apertar teus seios cheios em teu formoso peito?

Muita vezes, não dizias nada!
Até gostavas! mas
depois eis-te inchada, de barriga!

-"Eu?"
perguntei, atónito.
Eu nem dei por nada!
Devia estar distraído!
-"Não será filho de pai incógnito?"

Eu só sei que sou mar,
faço de ti minha praia, aonde
minhas amorosas ondas vêm beijar, porque
gostam de contigo estar, mas
depois afastam-se!
Tu sabes que sou um pouco distraído,
trago minhas ondas sempre comigo!

Não sei o que me trai, nem sei bem o que fiz
quando alguem, empinando o nariz, me chama pai!

Ah, como sempre, como
sou um pouco distraído, é que
reparo que é comigo!
Então, é que não me esqueço que sou mar
e que tu és minha praia, com
o mais belo luar, onde eu gosto, meu amor,
com minhas ondas estar,
ir e voltar!
.............xxxxxxxxxxxxxx................

PRAZERES!..

Ao aproximar-se
logo ela o deleitava!

Ela tinha uns seios enormes!

Ele queria-a beijar,
mas demorava muito tempo,
por causa das mamas,
à boca chegar!

Ele abraçava-a,
ela deixava!

Ele nela se esfregava,
ela deixava!

Ele nela se roçagava,
ela deixava!

Ele fazia coisas e tais,
ela deixava!

Ele queria sempre mais,
ela nisso não via mal!

Não importava o quê!
Fosse o que fosse!

Para facilitar,
ela já estava deitada,
boas coxas bem abertas!
para o que desse e viesse!
e o que nelas se metesse!

Ela era assim:... doce!

Mas não o era só para ele,
era para quem quer que fosse!

Havia uma razão para tal.;
para aquela sua entrega total,
para aqueles seus "afazeres"!

Afinal,
ela tinha um nome especial,
imaginem,
chamava-se, simplesmente,
Maria dos Prazeres!..

 

APETECIA-ME ....TU!
Sexta-feira santa!..
Dia de jejuar carne
mas apetecia-me....tu!

Tu apareceste-me, bem vestida,
e eu já a imaginar-te despida
carne apetecida!

Só te via nua
carne branca
que não me importava de comer
........crua!

Sentámo-nos
percorri tuas formas
tuas curvas
saliências
proeminências e reentrâncias
...e eu a ficar em ânsias!

Queria-te bem conhecer!

Quantas vezes tive que repetir o descer e subir?

Tu sabes
meu amor
que sou lento a aprender!

Apesar
de ser dia de santas indulgências
eu só pensava em indecências!

Vê lá tu
meu amor
o que se meteu na minha cabecinha:
ter o intento de te comer
par melhor te conhecer por dentro!

Desde então
que bem que nos conhecemos
nas vezes que nos comemos
para melhor nos conhecermos!

Ah
mas nós sabemos que o amor é cego
quando com amor nos amamos
mesmo em sexta-feira de dor
de jejum de carne
mas sabemos que não pecamos
porque só comemos mel do nosso amor!

Oxalá
que minha cabecinha
nunca perca o intento
de sempre te comer
para melhor te conhecer por dentro!

O PÉNIS


O PÉNIS

O pénis
coisa sui-géneris
morador entre pernas
deflorador de gretas
e no intervalo aprecia punhetas!

Ai o pénis
coisa sui-géneris!

Dizem, os amigos de Belzebu,
que alguns pénis
apreciam bom cu!

Não tem hora de se levantar
nem de se deitar
pois quando lhe pega o tesão
fode o que tem à mão
é o rei da criação
é sempre a aviar!

Amigo da mulher
dá-lhe o que ela quer
mesmo que dele seja feia a dona!

Ao pénis viajado
mas envegonhado
não interessa que sua cara se veja
em toda a Portugália
mesmo em Itália
mesmo em Ancona!

Ai o pénis.;
coisa sui-géneris!

Amigo do seu amigo
tem cunhas no Instituto Trabalho
dá emprego a muita gente
é altamente recomendado
pois até se ouve
frequentemene:
-"Vai pró caralho".

 
A IMPORTÂNCIA DO FODIDO!...
Genéricamente, o impulso sexual é vital para a preservação de todas as espécies!
O Homem, porque dele também possuído, acrescenta-lhe a sua inteligência e imaginação. Mesmo antes do acto, o Homem já se masturba, intelectualmente, no mundo da sua fantasia, imaginando o que vai acontecer, como vai acontecer, quanto tempo vai durar e quantas vezes repetir.

Embora não fazendo parte das necessidades vitais para a sobrevivência física, sem sexo o ser humano fica privado do seu equilíbrio pscicológico e harmonioso, porque dele deriva a sua descendência e seu apoio afectivo. Porém, aprender a ter relações sexuais não é tão fácil como tirar um curso de culinária, porque há milhões de receitas com ingredientes e ambientes irrepetíveis! Mesmo comparando o sexo à culinária, no sexo nem sempre um bom cozinheiro.; mestre em bons pratos, corresponde e satisfaz o insaciavel apetite exótico do “cliente”.
Acontece que, no advento das relações sexuais, procura-se estar o melhor documentado possível sobre as “receitas” com mais saída, para se estar apto a satisfazer os mais variados pedidos, não esquecendo as especiarias e condimentos, e, como também nas corridas d’automóveis , fazer prévios aquecimentos!
Como em todas as profissões, e também no desporto, há atletas sexuais de alta competição, com recordes espantosos!

Aliás, seria muito interessante, até para promover o derrube de tabus quanto ao sexo, que se estimulasse a competição sexual, criando para o efeito os “Jogos Olímpicos Sexuais”, onde se poderia ver as melhores técnicas para o orgasmo mais longo,
O maior número de “transas” por hora, penetração em corrida ( tipo tiro ao alvo por trás e pela frente), medalha para a posição mais artística, a mais acrobática, a melhor transa com ambiente musical, penetração aquática, na neve (em snowboard), etc. etc.

Não haja dúvida que seria um tremendo sucesso e a este desporto adeririam milhões d’atletas! Enquanto não acontece esta abertura social, apesar de todos os progressos
tecnológicos, ainda há milhões de mulheres que andam de cara tapada , provocando tabus primários nos homens, o que não devia acontecer, pois ter relações sexuais, devia ser como o comer.; uma coisa pública, embora em sítios recatados. Assim como o comer é em casa ou nos restuarantes, para o acto sexaul devia haver recintos públicos apropriados. No Brasil, por exemplo, poderia ter a designação de “Fodómodro”

Surgiu-me a ideia d’escrever este texto, porque constatei, mais uma vez, que tudo que tenha a ver com sexo tem mais saída que outro tema qualquer!
Por exemplo, meia dúzia de trabalhos poéticos, de minha autoria, denominados Miscelâneas (do nº 1 ao nº 7) , publicados na “Usina de Letras”, não mereceram grande atenção dos seus leitores! Constatando esse fato, resolvi pôr o texto “ Mundo Fodido” na secção erótica., e o que aconteceu foi que ao “Mundo fodido” foram às centenas em pouco tempo. Ainda hoje o número de leituras das Miscelâneas é insignificante comparando com o “Mundo Fodido”, ou “A curiosidade atrai” “Combóio erótico” “Nevrite”, etc. etc.

A conclusão é que os leitores não vão atrás do nome do autor, mas sim atrás de títulos, que lhe façam tesão! Mas aí eu sinto-me fodido, porque gostaria que a poesia fosse mais lida.

Sei que se escrevesse qualquer coisa sob o título “IDE-VOS FODER” muitos o iriam ler, muito mais que poesia. Por isso é que eu realço a importância do sexo e de tudo que é fodido!

TALVEZ AMANHÃ TE COMA A MAÇÃ

Deixa-me em paz, larga-me.
Vai-te embora de mim.
Ó Poesia, não sejas chata!
Porque me persegues?

Por que queres que a ti
e a ti
todos os dias versos faça?

Não vês que hoje não tenho inspiração?

Não vês que acabou-se-me a rima e o sentimento?

Larga-me.

Poesia
tu tinhas mesmo que ser mulher
bem feminina
mulher como Eva
que sempre enerva o Adão com sua tentação
mas ó Poesia
hoje não!

Talvez
amanhã de manhã!

Hoje
na pena
não tenho o tesão da inspiração
é pena!

Talvez amanhã
de manhã
eu coma tua fresca maçã.

Entretando vai-te preparando
vai-te descascando!


NEVRITE!..
Uma hora é longo tempo
um dia é eternidade
um mês altera todo o bom tento
num ano vai-se a sanidade!

Pensava que só aos outros acontecia
mas também aconteceu a mim
pois só por não te ver um dia
nunca julguei ficar assim:
logo perdi todo o apetite
não mais soube o que fazer
tudo em mim era nevrite
mas o Bem que me cabou por me contecer
foi quando te vi deixei de ficar triste
e logo me deu vontade de te comer!


COMBÓIO ERÓTICO

A poesia erótica começa no olhar,
como o dia começa com a manhã,
à procura de Evas,
que procuram Adões
a quem dar as maçãs e outras partes
em troca de pepinos e tomates!

-"Que boazona!.."
-"Que ricas mamas!.."
-"Que lindas pernas!.."
-"Comia-te já", é o que diz qualquer Adão
na fase do tesão,
enquanto coça os colhões,
também chamados de tomates,
e contínuos olhares vão-lhe alterando as tensões,
imagina mil e uma posições.;
o afagar de mãos entre coxas,
devagar,
carícias lentas como combóio a vapor,
com paragens em todas as estações!
Quem nelas espera, exclama:
-"Ai vem ele, aí vem ele!"
e ele vem-se!,
já se imaginando na cama,
resfolegando em cada estação,
depois Adão parte
novamente
como combóio d amor recoveiro!

A CURIOSIDADE ATRAI!..
Estas linhas são de atracção!
São de tesão
para atrairem os que o procuram,
mas não,
enganam-se!

Estas linhas são apenas para contar quem e quantos são,
que vão ficar na lista,
por aqui terem vindo
para entesoar a crista!

Os galos vieram com tesão!
Embora sem ele vão!
Enganados estão!
Oh, que desilusão!


Nas estações ficam Evas acenando,
dizendo:
-"Que importa que ele agora se vá,
se ele comigo já se veio!?

NÃO ADMITO
Não admito que me ganhes,
Só admito em ti perder-me!

 

SEDUÇÃO

Ele namorava-a
Seduzia-o tudo o que havia dentro dela,
Queria levantar a saia
Que lhe cobria a canela!
Uma sedução de combinação azul
Sob uma saia amarela!..
Podia ser também cinzenta
Cor da tempestade
Mas
O quis ver tarde
Durante o namoro naquela tarde
A todo o momento
Era o que havia dentro da saia dela
Debaixo da combinação
E entrar por ela adentro
Pois que já não segurava o que tinha na mão!
Par ela uma sedução!...

NÃO QUERO TGV
Quando em ti viajo
Vagabundeio!

Tacteio entre teu seios
Fico por lá extasiado
Tudo é por mim apalpado
Fotografado por minha retina
Que em ti só vê beleza em cada esquina
Ou nas rotundas que te circundam!

Páro em todas as tuas estações
e descanso das excitações
das belezas que em ti abundam!

Tu és minha paisagem favorita
Onde passeio sem carruagem
Apenas a pé, devagar
Não quero TGV para entrar no túnel da tua identidade
Pois quando entro dentro de ti
Sem olhar
Tudo me iluminas
Com a tua claridade
Para o melhor sítio encontrar

Ainda me lembro da porta
Por onde em ti entrei
E até hoje lá fiquei

Por vezes
Finjo que venho cá fora
Finjo que de ti me venho embora
Mas é coisa de pouca monta
Pois que
Só o tempo de cada minuto e hora
Que dentro de estou é que conta

Em não quero TGV por ti passar,
Quero um comboio a vapor
Que ande devagar
E em todas tuas estações apitar
Parar e resfolegar de amor!

O MUNDO ESTÁ FODIDO

Este mundo está perdido,
dizem bocas deslavadas,
digo eu que está fodido
com prioridades trocadas!

As mulheres,
em vez de com homens casarem,
com outras estão casadas!

Este mundo está tão animal,
tão tétrico,
com tanto mundo homosexual,
com tanto mundo lésbico,
que se uns dizem que está perdido,
eu digo que está fodido!

Eu penso que este mal
já de longe vem,
pois se Eva só teve dois filhos homens,
então um deles fodeu a mãe,
pois se casaram não sei com quem!

É o que eu vos digo:
Este mundo,
desde o princípio,
desde Sodoma e Gomorra,
este mundo é uma pôrra
é um mundo fodido!
..........xxxxxxxxxxxxx.............


publicado por figas às 10:49
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29


.posts recentes

. Devolvo a palavra

. Caídos no Chão

. Costa:

. Enciclopeidei-o

. Carta para Maria

. Antes que tarde

. Redução do défice

. Copos e mulheres

. PROCESSO DOS VISTOS

. Quando fores pai.

.arquivos

. Fevereiro 2020

. Agosto 2019

. Agosto 2018

. Março 2017

. Maio 2015

. Abril 2015

. Novembro 2014

. Dezembro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Junho 2009

. Março 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds